Qual a carga horária correta de um cuidador de idosos?

Muitas pessoas não compreendem a importância que os cuidadores de idosos têm. Eles são profissionais que vão se enquadrar dentro da área de empregados domésticos, e, portanto, devem ter a carteira de trabalho assinada e, portanto, um limite na sua carga horária.

Até o ano de 2015 os trabalhadores domésticos não eram regulamentados pela CLT, Consolidação das Leis Trabalho, elas não se enquadravam dentro das normas da CLT. Porém, a partir do surgimento da PEC das domésticas houve uma mudança, todos os direitos e os deveres dos cuidados de idosos foram incluídos.

Neste artigo preparamos alguns tópicos com o objetivo de lhe auxiliar na retirada de suas dúvidas sobre este assunto, além dessas dicas indicamos um Curso de Cuidador de Idosos para lhe ajudar na formação profissional.

Então, pegue caneta e papel e veja sobre todos os direitos dos empregados domésticos.

Vamos lá?

6 horas

É uma carga horária que não irá oferecer uma sobrecarga de trabalho para o profissional, e fará com que o profissional mantenha sempre uma excelente qualidade nos cuidados prestados. Porém, é muito importante destacar que mesmo com a baixa carga horária, um profissional que trabalha durante 6 horas diárias não deve trabalhar 7 dias por semana, pois é necessário no mínimo uma folga para que o profissional possa ter um descanso e curtir a sua vida pessoal, reduzindo assim o seu estresse. Porém, nesses casos será necessário que outra pessoa possa cobrir o profissional nos dias de folga.

Mas, caso o idoso necessite de cuidados em tempo integral, a carga horária de 6 horas não é recomendada, pois o idoso demandaria de 4 profissionais por dia para completar as 24 horas.

8 horas

Assim como nas 6 horas diárias de trabalho, o profissional que trabalhar durante 8 horas jamais deverá ter uma sobrecarga, porém também necessita de uma ou duas folgas semanais. Porém, nesse momento temos um impasse de ter uma ou mais pessoas, sendo estranhas ou não, para cobrir as folgas do cuidador. E, da mesma forma que no caso das 6 horas, se seu familiar necessitar de cuidados em tempo integral, serão necessárias até 3 pessoas por dia para dar conta dos cuidados para o idoso.

Sempre quando você for contratar um novo cuidador, certifique-se se ele tem um bom currículo, veja se ela fez algum Curso Online ou presencial.

24 horas

É comum alguns profissionais cuidadores trabalharem até 24 horas nas residências dos idosos. Pois, a família somente terá a necessidade de gerenciar apenas duas pessoas que se revezam para garantir os devidos cuidados para o idoso.

Porém, não é recomendado que nem o cuidador, nem profissionais de outras áreas trabalhem mais do que 12 horas seguidas, pois nenhuma pessoa deve ficar acordada por mais de 24 horas consecutivas, porque essas horas acordadas vão impactar diretamente em sua saúde e aumentando os seus níveis de estresse.

Outro ponto muito importante que devemos destacar no caso de profissionais que trabalham 24 horas ou mais é que eles acabam precisando dormir durante a jornada de trabalho. Sendo um grande problema, pois quem dorme não está cuidando ou dando atenção ao idoso.

Hoje em dia, se fala muito no cuidado com o cuidador de idosos, diversos profissionais são submetidos a jornadas de trabalho muito desgastantes, o que vai impactar diretamente na qualidade do cuidado oferecido ao idoso.

Portanto, busque evitar profissionais cuidadores e empresas de cuidadores que oferecem jornadas de trabalho acima de 24 horas, pois em um curto período de tempo este profissional se sentirá sobrecarregado e poderá deixar a desejar no cuidado e na atenção.

Mais de 24 horas

No último tópico vimos que 24 horas de trabalho é uma jornada que vai causar grande exaustão ao profissional, o que vai impactar diretamente na sua saúde e na sua qualidade de seus serviços e de atenção ao idoso. Entretanto, você vai se deparar com diversos cuidadores e empresas de cuidadores que ofertam atendimentos de 36, 48 e às vezes até 72 horas.

Sempre tome cuidado com estas ofertas, pois, elas são ilegais, oferecem alto risco para seu familiar idoso. Pois, é humanamente impossível manter-se acordado por tanto tempo e, quando dorme, o profissional não irá cuidar e irá expor o seu familiar a diversos riscos, como, por exemplo: uma queda.

12 horas

Se o seu familiar necessita de cuidados em tempo integral, sempre opte pela jornada de trabalho de 12 horas para o cuidador. Porém, sempre fique atento para que este profissional não trabalhe 12 horas todos os dias, ou até muitos dias seguidos. Sempre tenha mais de 4 cuidadores e sempre faça uma escala semanal, assim ficará mais fácil de entender qual cuidador que irá cuidar no idoso por dia.

Podemos destacar que a jornada de 12 horas de trabalho é a mais indicada. Se o seu familiar idoso necessita de cuidados em tempo integral, o ideal é ter 4 profissionais, 2 durante o dia e 2 durante a noite, sempre intercalando entre si.

Com 4 profissionais atuando no cuidado com seu familiar. Você garante uma grande qualidade de vida para seu familiar e também para o cuidador. Se algum profissional tiver alguma situação de folga, falta ou mesmo atestado, sempre haverá outros 3 que poderão cobri-lo, evitando assim uma pessoa estranha.

Depois de ler sobre qual a carga horária correta de um cuidador de idosos, você ficou com alguma dúvida?

Se você gostou do que leu, comente aqui embaixo sobre essas dicas e mande os resultados logo a seguir. E se quiser compartilhe essas dicas com os seus amigos e amigas.

Grande abraço e até o próximo post!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Certificado Cursos Online, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre cursos, educação e diversos segmentos.



Diga-nos o que achou do post: