Quais as melhores atividades para brincar no parque?

Diferentes brincadeiras e atividades para brincar no parque são uma ótima maneira de fazer a criançada gastar energia! 

Afinal, nada melhor que ter a infância marcada por ótimos momentos de atividades no parque. 

Mas, quais são as atividades que encantam a criançada e fazem com que elas se divirtam muito e gastem muita energia, com segurança? É sobre isso que falaremos, confira! 

  • Vantagens de atividades de brincar no parque 

Crianças que têm a oportunidade de crescerem brincando em parques ou ambientes abertos, geralmente, possuem maior autoestima e confiança do que outras. 

Isso porque, em um parque, a criança consegue avaliar, por si própria, os riscos que deseja correr. 

Por exemplo, “será que arrisco subir naquela árvore?”, ou então, “vou para aquele escorregador?”, “será que consigo atravessar o trepa-trepa?”. 

Dessa forma, a criança avalia, dentro das suas possibilidades, quais atividades ela arriscou. E quando consegue, percebe que ela tem possibilidade de alçar voos mais altos. 

Quando não consegue, a criança avalia se tentará novamente ou partirá para outra aventura. 

Mas existem outras vantagens também. 

Crianças que crescem em contato constante com o ambiente externo de parques, por exemplo, crescem mais conscientes sobre a importância da natureza. 

Ou seja, elas terão menos dificuldades em incorporar conceitos como desenvolvimento sustentável e reciclagem, por exemplo. 

Além disso, são crianças capazes de aproveitar mais a beleza natural dos ambientes. Outra razão é a maior criatividade, pois em um ambiente, como o parque, o desenvolvimento da criatividade e da interação com outras crianças, acontece naturalmente. 

Por último, em consequência da avaliação dos riscos inerentes a todas as atividades, avaliados pela própria criança, faz com que ela cresça mais resiliente em relação às adversidades da vida. 

E essas são características muito desejáveis em qualquer adulto. 

  • Cuidados com as atividades no parque 

Quando se vai com crianças a um parque, alguns cuidados são necessários, para que esse momento seja pautado por alegrias. Assim, veja alguns cuidados que você deve tomar: 

  • 1. Roupas confortáveis 

A criança precisa estar vestida com roupas leves, que permitam a movimentação com facilidade. 

Muitos pais, de fato, acabam ficando receosos com ventos e queda de temperatura e acabam colocando muitas blusas ou roupas de inverno em crianças que vão ao parque. 

Com isso, a criança fica com calor, acaba irritada e acaba não aproveitando tudo que a experiência de brincar no parque pode proporcionar a ela. 

Portanto, vista seu filho (a) com roupas condizentes com o tempo e leve, à parte, uma blusa. Se o tempo virar, você pode agasalha-lo. 

Lembre-se que no parque seu filho (a) irá correr, pular e certamente, vai ficar com calor! 

  • 2. Protetor solar 

Dependendo da hora que você for ao parque, lembre-se de proteger a pele delicada do seu filho (a) com protetor solar adequado. 

Claro que a exposição ao sol é necessária e essencial para o desenvolvimento dos ossos da criança, em função da formação de vitamina D. 

Mas, dependendo do horário que você for estar no parque, o sol forte pode incomodar a pele sensível das crianças. 

Assim, passar protetor solar no rosto, braços e pernas, garante que a pele dos pequenos está protegida! 

  • 3. Sempre de olho! 

Quando você vai levar seu filho (a) ao parque, fique sempre de olho! Crianças podem se perder com facilidade e nunca sabemos ao certo quem são os adultos perto das crianças. 

Portanto, é essencial manter o olho aberto e ter sempre em vista onde seu filho (a) está e o que ele está fazendo. 

  • 4. Ensine seu filho a não ir com estranhos 

Lembra daquele antigo ditado que nossas mães costumam nos dizer: “Não fale com estranhos”? 

Pois é, é preferível que você ensine seu filho a não ir com estranhos. Porque quando você ensina a ele não ir com estranhos, está dizendo que ele pode pedir ajuda a um policial, por exemplo, que é um estranho, mas que não deve ir com alguém que ele/ela não conhece. 

Assim, deixe claro para seu pequeno que se qualquer pessoa chegar perto e convidá-lo a ir para algum lugar, que ele/ela não deve ir e sim, chamar você. 

  • 5. Aproveite a experiência 

Cuidados tomados, aproveite para propor diferentes brincadeiras a seus pequenos. 

Leve o skate, bicicleta, mas também outros brinquedos, para que ele/ela possa se divertir muito. 

Uma sugestão: por que você não leva um frisbee personalizado, para poder entrar na brincadeira com seu pequeno? Aí, você se diverte junto! 

  • Exemplos de atividades no parque 

  • Brincar no escorrega, balanço e trepa-trepa; 
  • Esconde-esconde; 
  • Jogar frisbee; 
  • Se divertir na caixa de areia; 
  • Pega-pega; 
  • Subir em árvores. 

Com todas essas opções, certamente a hora do parque será um momento de grande diversão, tanto para seu filho, quanto para você, que guardará na memória esses momentos incríveis de diversão ao ar livre. 

 



Diga-nos o que achou do post: