Pia Sundhage assume a Seleção Brasileira Feminina de Futebol

    Técnica sueca de 59 anos assume o Brasil, após saída de Vadão;

    Na data de 30/07/2019, o plantel feminino de futebol do Brasil conheceu sua nova comandante. Tendo o presidente da CBF, Rogério Caboclo, como seu anfitrião, a técnica sueca Pia Sundhage recebeu a missão de ser a nova técnica do futebol feminino nacional.

    Sendo a primeira técnica estrangeira a assumir a Seleção, a técnica já havia passado por situação semelhante outrora quando chegou para o comando técnico da Seleção dos EUA, em 2008.

    Tendo em seu currículo as conquistas olímpicas de 2 medalhas de ouro (em 2008 (Pequim) e 2012 (Londres), ambas com os EUA) e 1 de prata (em 2016, com a Suécia), Pia ainda ganhou o prêmio de melhor técnica do mundo em 2012. A técnica trabalhava nas seleção sub-17 da Suécia, antes de aceitar o desafio de comandar a Seleção Brasileira.

    A treinadora será posta a prova em um torneio amistoso contra outros três países, no Pacaembu (São Paulo). Na data de 29/08/2019, às 21:30, as brasileiras medem forças contra a Argentina, em uma das semifinais. A vencedora do confronto, decide a final contra a vencedora do duelo entre Chile x Costa Rica.

    O próximo desafio, este oficial, que se avizinha para a treinadora será as Olímpiadas 2020, disputadas em Tóquio. Em entrevista coletiva, durante sua apresentação oficial, ela declarou que o Brasil pode se tornar ainda mais forte caso adote a gana da seleção norte-americana e a organização das suecas.

Veja mais:

Com gol histórico de Marta, brasileiras ganharam da Itália e avançaram às oitavas

Com show de Cristiane, Seleção Brasileira começa com vitória na Copa do Mundo

 



Graduado em Administração na UFRRJ, Apaixonado por Futebol, Flamenguista por Opção, Geek por Natureza, Carioca de Nascimento, Amante de Livros, Cinéfilo, Curte Contar/Apreciar Boas Histórias e Experiências de Vida, Autor do livro "Veredas da Vida: Poéticos Conselhos" (Chiado Books), Sempre em Busca de Novos Objetivos.

Diga-nos o que achou do post: