Marketing digital médico: por que investir?

A internet se tornou no principal recurso utilizado pelas pessoas para se informar sobre saúde preventiva e sobre eventuais problemas de saúde. E isso faz com que o marketing digital médico seja uma estratégia indispensável para os profissionais da área.

Segundo a pesquisa TIC Domicílios 2019, realizada pelo Centro Regional para o Desenvolvimento de Estudos sobre a Sociedade da Informação (Cetic.br), três em cada quatro brasileiros acessam a internet. Isso equivale a 134 milhões de pessoas navegando na internet e que podem ser um paciente em potencial para sua clínica.

Mesmo com esses dados expressivos, alguns profissionais da saúde não acreditam nos benefícios de ter estratégias de marketing digital médico. Confira neste artigo porque é interessante investir em ações publicitárias na internet.

Quais são as vantagens de investir em marketing digital médico?

Todos os médicos podem obter resultados expressivos com o marketing digital, tanto aqueles que acabaram de começar a atuar no segmento quanto aqueles que têm anos de experiência. Veja a seguir quais são os principais benefícios que fazem do marketing digital médico um investimento rentável.

Proximidade com o público-alvo

Para que uma clínica seja lembrada pelo paciente, é importante que ela esteja presente nos principais canais de comunicação que o público-alvo está presente. E a internet é, sem sombra de dúvida, um dos canais mais utilizados atualmente.

Portanto, o médico que quer estar próximo do paciente em potencial deve marcar presença na internet. Dessa forma, as chances de ter mais pacientes no consultório é consideravelmente maior.

Construção de uma imagem marcante

Hoje em dia, as pessoas se influenciam bastante pelo o que veem na internet. Nesse sentido, o uso do marketing digital médico pode ajudar o consultório a ser conhecido pelos pacientes em potencial, aumentando a possibilidade de eles marcarem uma consulta.

A construção de uma imagem marcante, também chamada de branding, pode ser feita por meio de publicações nas redes sociais da clínica ou do médico. Assim, é possível potencializar a visibilidade do consultório, fazendo com que mais pessoas conheçam seus serviços e diferenciais.

Construção de credibilidade

Uma clínica que possui informações interessantes em seu site — como dicas para cuidar da saúde da pele, por exemplo — tem mais chances de aumentar a confiança das pessoas no atendimento prestado. Logo, quando a pessoa precisar do serviço realizado pelo médico, saberá exatamente a quem recorrer.

É importante que essa credibilidade seja construída de maneira contínua, com a publicação regular de conteúdos que sejam, de fato, interessantes. Para isso, o médico pode abordar assuntos ligados à sua área de atuação com um tom que seja objetivo e informativo, tendo sempre em mente o cuidado com o uso de termos técnicos que não são de conhecimento do grande público.

Mensuração e personalização

Uma das principais vantagens de investir em marketing médico é a possibilidade de aprender com as ações adotadas, fazendo com que elas sejam cada vez mais assertivas. Dessa forma, o investimento se torna mais rentável e eficiente.

Também vale a pena ressaltar que o marketing digital para clínicas é extremamente personalizável. Ou seja: é possível atingir as pessoas com o perfil do paciente ideal do consultório, nas redes que elas mais utilizam e com as estratégias que mais trazem resultado.

O marketing digital médico deve estar de acordo com as regulamentações do Conselho Federal de Medicina (CFM), o que pode demandar um tempo extra na elaboração das estratégias. Por esse motivo, ter uma agência de marketing digital especializada na área médica é essencial para fazer o investimento render e a clínica crescer em prestígio e consultas realizadas.

Produção de conteúdo

A produção de conteúdo é uma das estratégias mais importantes do marketing digital médico. É por meio das informações compartilhadas no site que o médico constrói uma audiência, ganha sua confiança e guia os pacientes para agendarem uma consulta.

Para isso, o médico precisa ter uma área do site voltado para dúvidas e assuntos em geral ligados a sua área de atuação. Por exemplo: uma clínica de ginecologia pode ter uma página chamada “Notícias” na qual compartilha conteúdos sobre saúde da mulher, importância dos exames ginecológicos, entre outros assuntos pertinentes.

Branding

O branding nada mais é do que o fortalecimento da imagem do médico e de seu consultório nas regiões de interesse. Dessa forma, as pessoas conhecem ainda mais o profissional da saúde, criando proximidade e confiança para marcar uma consulta caso precise de atendimento na área de expertise do médico.

As ações de branding na internet são realizadas majoritariamente nas redes sociais, como Instagram e Facebook. O médico pode publicar dicas de saúde, detalhes do seu consultório, os preparativos para uma cirurgia, entre outras informações interessantes da área e da rotina do médico.

É importante que as ações de marketing digital médico sejam realizadas de maneira conjunta e planejada, analisando os resultados de cada estratégia para que as próximas sejam mais personalizadas e assertivas. Considerando que esse processo requer bastante dedicação, o médico pode contratar uma agência de marketing digital especializada para desenvolver as estratégias e extrair os melhores resultados possíveis no marketing digital.

 

 

 

 

Fonte: WSI Marketing Digital

 



Diga-nos o que achou do post: