Doe um pouco do seu tempo a alguém

Por quanto tempo consigo ouvir alguém sem interpelar, por quinze, dez ou cinco minutos? Ou menos?

Então, pare e pense sobre o tanto que falamos, e sobre a porcentagem de tempo que ouvimos. Isso mesmo, somos ótimos falantes, porém, péssimos ouvintes.

Bryant H. McGill, um escritor Americano, disse: “Uma das formas mais sinceras de respeito é realmente ouvir o que o outro tem a dizer”.

Por isso, quando paro para ouvir alguém, estou doando o meu tempo para essa pessoa.  Todos nós sabemos muito bem, que quem recebe uma doação se torna eternamente grato, então vale à pena respeitar e ouvir as pessoas.

Analogamente, Doug Larson, um jornalista de Wisconsin, EUA, citou: “A sabedoria é a recompensa que você recebe quando passa a vida escutando, em vez de falar”.

Então, chegamos à conclusão que, tem mais beneficio quem ouve, do que quem fala. Afinal de contas, quem não quer ser sábio doando o seu tempo com generosidade?

Conforme está escrito: “mais bem aventurada coisa é dar do que receber” (At. 20:35), igualmente, “ mais vale escutar a repreensão de um sábio do que as adulações dos tolos”(Ec 7:5)

Assim sendo, o  importante é educar os nossos ouvidos, ter humildade para ouvir, reter a ansiedade de falar, filtrar o que ouvimos e falar no momento certo, e com toda certeza, nos tornaremos pessoas muito mais agradáveis e felizes.

Autor: Carlos José



Carlos José, é Cristão, Graduando em Pedagogia pela Faculdade Dom Alberto, Bacharelando em Teologia pelo Instituto Educacional Videira , Articulista e amante da leitura e da escrita .

Diga-nos o que achou do post: