Dior revela as etapas de fabricação de seus perfumes em um documentário.

Todo mundo conhece os perfumes Dior, mas poucos são os que conhecem os segredos da fabricação. Pela primeira vez, a casa desvenda os bastidores de seus cheiros no documentário NOSE, um “filme cheiroso” a ser descoberto a partir do dia 22 de fevereiro.
Quais são as etapas para criar um perfume Dior? De onde vêm as matérias-primas? Como eles cresceram? Durante dois anos, os diretores Arthur de Kersauson e Clément Beauvais seguiram François Demachy, perfumista-criador da Dior, para levantar o véu sobre o fascinante e misterioso mundo dos perfumes. “Quem me conhece concorda que sou reservado por natureza. Mas Arthur de Kersauson e Clément Beauvais eram pacientes e observadores. Eles vieram para “me procurar” e se propuseram a mostrar quem eu sou, sem me distorcer. No final das contas, o filme NOSE é uma abordagem autêntica do que eu faço, do meu trabalho, mesmo que você sempre preste um pouco de atenção nos seus gestos diante de uma câmera ”, confessa François Demachy.

François Demachy Perfumista Maison Dior

É claro que descobrimos o perfumista em seu reduto de Grasse. Foi aqui que tudo começou, precisamente no Château de La Colle Noire, onde Christian Dior já cultivava campos inteiros de rosas e jasmim. Hoje, é alguns quilómetros mais adiante, no Domaine de Manon, que Carole Biancalana cultiva as rosas Centifolia, o jasmim e a tuberosa que se encontram no coração dos perfumes Dior. É finalmente nesta região que François Demachy imagina as suas composições, na atmosfera algo mágica dos Fontaines Parfumées, ao lado das suas oficinas parisienses.

Mas a viagem não termina no sul da França. Continua em todo o globo, como uma rota das matérias-primas da casa. Bergamota da Calábria, sândalo do Sri Lanka, ylang-ylang de Madagascar, jasmim sambac da Índia… Ou patchouli da Indonésia, produzido justamente em Sulawesi, região que François Demachy descobriu pela primeira vez durante as filmagens. Do plantio à prateleira, passando pela colheita e criação, o documentário NOSE revela cada passo na criação de um perfume … Mas também a importância do vínculo humano, em particular as inúmeras parcerias firmadas com jovens produtores de flores orgânicas, e setores desenvolvido em todo o mundo para garantir a sustentabilidade das matérias-primas. A oportunidade de colocar imagens no indescritível: “É acima de tudo o perfume que é misterioso! Lutamos para explicá-lo, descrevê-lo, dissecá-lo, mas ele está sempre incompleto. Eu acredito que um velório é como o amor. Não há explicação ”, conclui François Demachy.

NOSE, o trabalho mais secreto do mundo, disponível a partir de 22 de fevereiro de 2021 em VOD no Amazon Prime Video e em outras plataformas.

Tradução  Bob Aldasi

Fonte www.vogue.fr

Por MÉLANIE NAUCHE



Meu objetivo é proporcionar aos visitantes um alto nível de satisfação. Foi essa simples abordagem que vem causando o meu crescimento na história da indústria da beleza.É uma honra receber a sua visita! Navegue pelo portal para descobrir e me ajudar a escrever essa história. Bem-vindos ao globalizado.com.br

Diga-nos o que achou do post: