De Nosferatu à Crepúsculo

O começo
Há 100 anos estreava o primeiro filme de vampiros.
Todavia esse filme ficou proibido durante um determinado tempo pelo fator da viúva de Bram Stoker perceber que tinha relações com o livro Drácula de Bram Stoker.
Claro que o diretor F.W. Murnau foi bem esperto.
Alterou nomes e localidades para não ser pego.
Não adiantou a viúva percebeu e por ter ganho o processo Murnau foi obrigado a queimar as cópias.
Todavia ele deixou uma cópia guardada e depois de anos o filme Nosferatu pôde ser redescoberto.
Curiosidade é que esse filme teve uma refilmagem sob a direção de Werner Herzog com o mesmo nome em 1979,só que com o nome de Drácula no personagem mas com a mesma fisionomia no filme de 1922.
Em relação ao filme de 1922,haviam boatos de que o ator Max Schreck fosse realmente um vampiro de verdade.
Tanto que até fizeram um filme sobre esse caso chamado A sombra do vampiro.


Auge
Bela Lugosi se tornou reconhecido como Drácula no filme de 1931.
Era pra ser Lon Chaney, mas ele tinha morrido.
Lugosi não só fez o Drácula nesse filme como tantas outras vezes e até mesmo em sátiras.
Aliás Lugosi ficou mais reconhecido na sua vida como Drácula.
Outro ator que se destacou como Drácula foi o ator Christopher Lee.
Na minha opinião o mais convincente.
A Universal e a Hammer foram os estúdios que mais se destacaram.

A origem do Drácula
O Drácula foi inspirado num personagem real o Vlad II Dracul.
Era da Romênia.
A propósito a Transilvânia fica localizada na Romênia, o que leva a origem de seu personagem e no qual o autor se inspirou.

Cultura popular
Desde então fizeram vários meios de incorporar o famoso personagem.
Não só o Drácula em si como outros vampiros.
Várias mídias se encontra os vampiros.
Como em novelas como: Vamp e O beijo do vampiro, ambas com Ney Latorraca como o famoso personagem.
A Universal fez alguns crossovers como por exemplo o Drácula se encontra com a múmia e o monstro de Frankenstein e até mesmo em comédias como Abbot e Costello.
Detalhe curioso é que até tivemos um vampiro brasileiro chamado Bento Carneiro, interpretado pelo inesquecível e talentoso Chico Anyzio.
Entrevista com o vampiro virou um livro escrito por Anne Rice e virou filme.
Enfim o vampiro virou grande destaque e um dos personagens mais interpretados no cinema só perde para Jesus, esse sim foi o personagem mais interpretado no cinema.


O início da queda
A saga Crepúsculo foi o início da queda de filmes sobre vampiros.
Desde então não teve mais nada de relevante.





Diga-nos o que achou do post: