Como cuidar da pele no inverno em época de coronavírus

Uma das dúvidas mais comuns das pessoas é como cuidar da pele no inverno em época de coronavírus. Pensando nisso, resolvemos listar neste artigo diversas orientações que ajudam nesse processo.

Aqui, separamos dicas que podem ser aplicadas hoje mesmo. Então, não perca mais tempo. Continue com a leitura e tire todas as suas dúvidas.

Mantenha a temperatura da pele

Um dos principais desafios no período do inverno é regular a temperatura corporal em 36°C. Para lidar com a nova estação da melhor forma, é fundamental fazer algumas mudanças. A primeira delas é em relação ao vestuário. Você deve manter o corpo agasalhado. Essa orientação vale tanto para dentro como fora de casa.

Uma boa roupa é aquela que protege o corpo todo, incluindo as extremidades dos pés, mãos, pescoço e cabeça. Por isso, recomendamos investir em novas peças, antes que os preços aumentem nos próximos dias.

Não tome banho quente

No inverno, as alterações na temperatura prejudicam a proteção do organismo. Uma dica interessante é não sair do banho quente para um quarto úmido e frio. Além disso, ao sair de casa, coloque uma jaqueta. Ela pode ser uma ótima proteção no decorrer do dia.

Crie um ambiente aconchegante ao dormir

Quando for dormir, recomendamos criar um cômodo aconchegante. Para isso, você pode apostar em vários itens e objetos.

  • Aparelhos de ar-condicionado;
  • Estufas;
  • Lençóis-térmicos.

É fundamental deixar claro que os lençóis térmicos devem ser utilizados somente para deixar a cama quentinha. Eles devem permanecer desligados na hora de dormir. Já a temperatura ideal deve ser regulada para 24º

A relação da pele com o ar não pode ser ignorada. Esse aparelho pode trazer uma série de complicações. Dentre as mais comuns, encontra-se: perda de brilho, coceira, áreas avermelhadas, descamação e, em alguns casos, sinais de expressão mais destacados.

Projeta-se do ar condicionado

Nem sempre conseguimos fugir do ar condicionado, especialmente quando trabalhamos em um escritório que utiliza o aparelho. Para não ter problemas nesses ambientes, o mais indicado é comprar máscaras e cremes que auxiliam na hidratação da pele.

Outra dica interessante é utilizar hidratante labial para que a boca não fique rachada. Antes de sair de casa, coloque na bolsa ou na mochila um creme para as mãos. Uma farmácia de manipulação é o melhor local para encontrar medicamentos seguros para a pele.

Use o álcool em gel com moderação

O excesso de álcool em gel é um dos principais vilões da pele, uma vez que ele pode causar irritação no maior órgão do corpo humano. Se você não teve contato com outra superfície ou outra pessoa, não é necessário utilizar a substância  a todo o momento.

Lave as máscaras de tecido

Nunca é demais lembrar que as máscaras de tecido comum devem ser trocadas a cada três ou quatro horas. No momento da lavagem, evite utilizar produtos que são considerados agressivos para a pele. O mais indicado é ir pelo básico, como água e sabão.

Existem algumas opções disponíveis no mercado que trazem alergia, causando bastante incômodo no decorrer do dia. Se você trabalha em hospitais e precisa utilizar certos tipos de máscaras, vale a pena investir na hidratação facial. Ela tem o poder de proteger a pele que permanece em contato com o aparelho.

Tome banho de sol

O simples ato de tomar sol traz diversos benefícios para a pele, mas também para outras partes do corpo. Dentre os mais comuns, encontra-se: fortalece o sistema imunológico, melhora o humor, regula o sono e previne a miopia.

No entanto, o banho de sol não pode ser feito de qualquer forma. Primeiro, proteja a pele com filtro solar. Depois, evite o excesso de contato: 10 a 15 minutos de exposição é o suficiente para o corpo.

Após descobrir como cuidar da pele no inverno em época de coronavírus, siga-nos nas redes sociais e conheça outras dicas que impactam em seu sucesso.



Diga-nos o que achou do post: