capacidade de inovar

Capacidade de inovar: 3 formas de aumentar o potencial da sua empresa

Muita gente já teve o sonho de ter um negócio próprio, mas poucas pessoas levam em conta como é difícil entrar no universo corporativo de modo eficiente e competitivo. Para isso, é preciso saber falar sobre a capacidade de inovar de cada nova marca.

Lembrando que pode parecer estranho falar sobre inovar para uma marca que acabou de chegar ao mercado ou mesmo falar sobre inovação para outra que já está no mercado há décadas, e que portanto já deve ter se “estabilizado” em seu setor.

Na verdade, é aí que está a maioria dos problemas, na interpretação superficial que se faz do termo inovação. 

Afinal, como uma empresa de lavagem de tapete a domicilio pode realmente inovar e não ser passada para trás pela concorrência?

Será que a lavagem de tapete é um setor em que surgem novos maquinários e tecnologias todos os dias, permitindo um avanço tão acelerado assim? Na verdade, a capacidade de inovar não tem a ver apenas com tecnologias ou com máquinas e robôs.

No fundo, trata-se de algo que vem antes disso, e justamente, sem o qual as próprias inovações tecnológicas não surtiram muito efeito. Estamos falando da cultura organizacional de uma empresa, da filosofia da sua marca.

Popularmente, esses conceitos se espalharam como sendo os famosos pilares de missão, visão e valores, ou seja, aquilo que vai conduzir a rotina de cada colaborador ou funcionário da empresa, desde a diretoria até a recepção, sem exceções.

É isso que dá uma unidade estratégica para uma marca, permitindo que ela ganhe fôlego no mercado e aprenda a enfrentar a concorrência, que está cada vez maior. Bem como a satisfazer o público-alvo, que está cada vez mais exigente.

Sendo assim, também é isso que amarra todas as pontas soltas, desde os planos dos donos, sócios e fundadores, passando pela diretoria e pelos gestores e líderes no geral, até chegar no pessoal da operação diária, que está na ponta da lança.

Só de falar assim, já vemos como uma empresa de instalação ar condicionado pode começar a melhorar seus esforços. 

Aí sim, depois disso, também já fica claro como a capacidade de inovar é algo que nasce de um panorama bem maior.

Desta forma, a pior coisa que uma empresa poderia fazer, independentemente de seu porte, tamanho ou quantidade de funcionários, seria simplesmente sair comprando máquinas novas e instalando programas promissores nos computadores.

Pelo contrário, o que ela precisa é ter um planejamento de abertura ou de ampliação baseado em colunas e valores muito claros, a partir dos quais se torna possível ir materializando as devidas alterações que vêm com o tempo.

Por outro lado, isso também não significa que precise ser algo demorado, que vá se arrastar por anos a fio até que já nem faça sentido. 

No fundo, o grande diferencial está em conseguir manter esse equilíbrio, como algo desafiador e assertivo.

Por essa razão é que decidimos desenvolver estas dicas, trazendo aqui as 3 melhores formas de aumentar o potencial da sua empresa. Tudo com uma capacidade orgânica e original de realmente inovar, sem correr riscos.

No fundo, uma empresa de lavagem de sofá e tapetes só pode inovar realmente se ela é capaz de trazer melhorias condizentes com seu negócio, ao mesmo tempo sem abrir mão do que já havia de bom na operação.

Ou seja, se os donos e líderes se empolgam demais e começam a mudar apenas por mudar, correm um sério risco de abrir mão das coisas certas e investir tudo em frentes erradas ou duvidosas, aí sim entrando em um campo perigoso.

Por isso, falar das melhores formas de inovar é algo que também implica trazer alguns conceitos e características que poucos levam em conta. 

Em vez de simplesmente ficar em dicas práticas que, sozinhas, não necessariamente ajudam a clarear a questão.

Daí que seja necessário falar de cultura corporativa, conhecimentos que cada dono ou estrategista traz, gestão de rotina e de recursos, entre tantas outras frentes que fazem parte de qualquer tipo de empresa, seja qual for sua atuação.

De fato, um dos pontos mais bacanas aqui é justamente o fato de que hoje a capacidade de inovar é algo que pode estar presente em qualquer nicho de mercado, seja de quem vende produtos ou presta serviços como comunicação visual para empresas.

Desta maneira, se agora o seu interesse mais urgente é o de compreender de maneira séria e consistente como a capacidade de inovar pode aumentar o potencial da sua empresa, melhorando seus resultados, então é só continuar com a leitura até o fim.

O que é inovação, afinal?

Até aqui já deve ter ficado claro que um dos maiores elementos de uma cultura de inovação é o fator humano. 

Sendo assim, a capacidade criativa dos líderes da empresa, e o seu alinhamento e capacidade de engajar os demais.

Isso vai na contramão do que a maioria das pessoas imagina, pensando que para inovar basta comprar máquinas e instalar programas de ponta de linha, o que é uma ilusão.

Tanto não é assim que hoje um dos pontos que as grandes marcas do mundo todo mais valoriza é o ativo humano, também chamado de capital intelectual.

Ou seja, elas chegaram à conclusão de que seu verdadeiro tesouro não está no banco, em ações da bolsa ou nos cofres, mas sim entre os colaboradores mais criativos.

Basta imaginar o caso real de uma empresa da área de adesivação de parede personalizado, por exemplo. 

São os funcionários que, atuando diariamente na linha de frente, conseguem entender as demandas latentes, tais como:

  • Tendências de mercado;
  • Posicionamento da concorrência;
  • As exigências dos clientes;
  • Pontos-cegos de melhorias;
  • Lacunas no atendimento;
  • Demandas mais constantes.

Enfim, esse olhar de quem realmente está na prática é algo que pode fazer toda diferença, por permitir que as inovações realmente necessárias se sobressaiam.

Portanto, é impossível aumentar o potencial de uma empresa de modo sério, sólido e sustentável sem levar em conta esses fatores mais abrangentes.

Ou seja, antes de trocar os hardwares de um pátio fabril ou de uma frente industrial, é preciso entender melhor como os equipamentos antigos estavam desempenhando.

Ou ainda, antes de implementar novos softwares no escritório e nos próprios dispositivos da produção, é imprescindível compreender os motivos para fazer isso.

De modo ainda mais claro, imagine que cabe a você como dono ou como gestor inovar a frota de uma empresa de entregas. 

Certamente, a mudança será bem melhor se levar em conta o que dizem os motoristas que já atuam ali há um bom tempo.

  1. As reuniões constantes

Não é possível falar sobre cultura da empresa e papel dos colaboradores sem falar em reuniões constantes, tanto individuais quanto coletivas.

Ressaltando que as inovações são feitas pensando nos clientes, como modo de atendê-los, impactar eles e atraí-los melhor, sem sombra de dúvida.

Mas, é por meio dos colaboradores que você começa a fazer isso, então essas reuniões estratégicas, que são diferentes das reuniões de feedback, precisam ser constantes.

Assim, em uma empresa de guincho para barco que deseja manter sua capacidade de inovar, é preciso manter isso que hoje se chama cultura vertical.

Ou seja, cada funcionário consegue acessar outros setores e líderes, agregando valor a todo o processo ou cadeia produtiva. Em vez de ficar engessado em seu setor, o que seria uma cultura horizontalizada.

  1. Testes as implementações

Um ponto fundamental que muitos acabam deixando de lado é o de negociar de modo consultivo com as empresas que prestam serviços ou vendem produtos inovadores.

Na prática, antes de comprar um dispositivo ou uma solução de software, é preciso exigir do vendedor e da empresa que vai prestar a solução, nada menos que uma fase de teste.

Se você lida com brinde promocional para empresa e que testar como a inovação vai impactar na rotina dos seus funcionários e no atendimento ao cliente, o melhor modo de fazer isso é contando com o suporte da parceira.

Hoje isso pode ser feito de modo presencial, como de costume, mas também de maneira remota, por meio de agentes que atuam pela internet, facilitando a operação.

  1. Pense no longo prazo

Por fim, um ponto fundamental, que vai além de toda parte de conhecimentos, ativos, tecnologias e até recursos e rotinas que falamos acima, é a do orçamento.

De fato, você só aumenta o potencial da sua empresa quando passa a ter isso como um hábito, algo incontornável. 

Se você atua como empresa de paisagismo e jardinagem, precisa dedicar um percentual para a inovação.

Isso é ter capacidade de crescer de modo sustentável, em vez de simplesmente investir o resto, ou seja, o valor que sobra ao fim de cada período.

Considerações finais

Sendo assim, falar sobre capacidade de inovar empresarialmente é interessante, pois isso envolve todo o potencial de uma empresa, seja qual for seu segmento.

Com as 3 formas detalhadas acima, é possível entender o propósito de tudo isso, como dar os passos iniciais e, o que é mais importante, como não perder as boas práticas da área.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.



Diga-nos o que achou do post: