Brasil supera desconfiança e aplica goleada no Peru

    Equipe brasileira aplica 5×0 nos peruanos e termina na liderança do grupo A na Copa América;

    Na data de 22/06/19, os comandados de Tite iam a campo com duas alterações na trinca de ataque: Éverton “Cebolinha” entrava no lugar de David Neres e Gabriel Jesus substituiria Richarlison. Os peruanos tinham alguns atletas conhecidos do público brasileiro, tais como: o lateral-esquerdo Trauco (Flamengo), o meia Cueva (Santos) e o atacante Guerrero (Internacional).

    Atuando na Arena Corinthians, em São Paulo, o placar seria aberto pelos brasileiros aos 12 minutos: após escanteio cobrado por Philippe Coutinho, o volante Casemiro marcaria o primeiro gol da partida, após cabecear e aproveitar o rebote do lance. Era o primeiro gol de Casemiro com a camisa da Seleção Brasileira, sendo o 25º gol na carreira atuando no seu 400º jogo.

    Aos 19 minutos, após o goleiro peruano Gallese tentar rifar a bola, o atacante Roberto Firmino interferiu no lance e a bola bateu na trave. Entretanto, no rebote, o próprio Firmino pegou a bola, driblou o goleiro e marcou o segundo gol a favor do Brasil. Éverton “Cebolinha”, aos 31 minutos, faria excelente jogada individual driblando da ponta esquerda e, batendo rasteiro no canto direito do goleiro, aumentaria a vantagem tupiniquim na partida.

    Na retomada do segundo tempo, aos 9 minutos, o capitão Daniel Alves tabelaria com o volante Arthur e depois receberia passe de Firmino, para sair na cara do goleiro e bater forte sem chances para Gallese. Era o quarto gol do Brasil na partida e o 8º gol de Dani Alves com a “Amarelinha”, alcançando assim Nelinho em número de gols de laterais-direitos pela Seleção Canarinho na história.

    Mas ainda haveria tempo para mais, pois aos 45 minutos da segunda etapa o meia Willian (que substituiu Philippe Coutinho) trouxe a bola para e, da meia esquerda do ataque, acertou lindo chute de fora da área, sem chance para o goleiro peruano, fazendo 5×0 para o Brasil.

    E aos 48 minutos, o juiz viu pênalti de Gallese em disputa de bola com o atacante Gabriel Jesus. O próprio centroavante foi para a cobrança, bateu forte no canto direito do goleiro, mas Gallese evitou o sexto gol brasileiro ao espalmar a cobrança da penalidade máxima.

    Após o apito final do juiz, os comandados de Tite saíram com vitória folgada sobre os comandados de Gareca. O Brasil terminou como líder de seu grupo, já o Peru caiu para a terceira posição, graças à vitória da Venezuela sobre a Bolívia.

Veja mais:

Com destaque de Coutinho, Brasil derrota a Bolívia na estreia da Copa América

Brasil goleia Honduras no último amistoso antes da Copa América

Uruguai goleia Equador e assume a ponta do Grupo C

 



Graduado em Administração na UFRRJ, Apaixonado por Futebol, Flamenguista por Opção, Geek por Natureza, Carioca de Nascimento, Amante de Livros, Cinéfilo, Curte Contar/Apreciar Boas Histórias e Experiências de Vida, Autor do livro "Veredas da Vida: Poéticos Conselhos" (Chiado Books), Sempre em Busca de Novos Objetivos.

Diga-nos o que achou do post: