Afetos estrangulados

Segundo a primeira teoria de Breuer e Freud os histéricos se curam de seus traumas através de um despertar traumático.

Muitas pessoas tem estado com afetos estrangulados por causa de certos acontecimentos que destabilizar seu emocional lhe trazendo um extenso repertório de sintomas, que incluí  paralisias motoras, inibições, distúrbios de consciência e alucinações , transtorno de personalidade até traços de psicopatia surgindo exatamente após o momento dos  acontecimentos traumáticos.

Vejamos o exemplo de afeto estrangulado no personagem joe da série você, ele sofreu na infância abusos físicos e psicológicos que o levou a matar o seu pai com a necessidade de proteger a mãe que ele tanto amava, é isso resultou no abandono maternal o abandono fere tudo o que somos fere o nosso emocional e nosso psicológico fazendo um estrago irreparável.

Joe cresceu com a necessidade de ser amado é protegido e isso resultou na busca desesperada de ser amado mas Joe não busca o amor em si, ele busca a sua mãe aquilo que ele nunca teve dela Joe não só cresceu com necessidades mas com transtorno de personalidade mista, narcisista, antissocial. Pessoas com afetos estrangulados podem se tornar psicopatas ou sociopatas fazendo estragos na vida delas e dos outros.

O afeto estrangulado nada mais é que emoções que não são expressadas no momento certo de forma normal, ideias que compõem a memória do fato que  ficam dissociadas do conjunto das outras ideias. E é a partir daí, a ideia dissociada, carrega um “afeto estrangulado”, passando a agir como um corpo estranho no psiquismo, provocando expressões de emoções anômalas como as que se manifestavam no ataque histérico.

Só quando a memória do trauma volta a se integrar ao conjunto das memórias e a dissociação é desfeita, e a lembrança do trauma vem à consciência e essas emoções podem ser expressadas

de forma adequada.

– Vanessa Costa Lima

 

 



Diga-nos o que achou do post: