Diferentes técnicas para fotografias corporativas em ambientes externos e internos

Quando uma empresa contrata um fotógrafo para cobrir seus eventos corporativos, o mínimo que se espera dele é que suas técnicas sejam apuradas e que o resultado final agrade tanto ao cliente quanto ao próprio profissional. Mas se engana quem pensa que os trabalhos são sempre iguais. Ultimamente, cada vez mais empresas têm preferido um estilo mais conceitual na cobertura das suas festas, congressos e apresentações.

Outra coisa que vem se tornando muito comum é o registro de obras ou inaugurações externas. Ou seja, o fotógrafo, que antes estava acostumado a interligar os trabalhos corporativos com ambientes fechados, agora precisa se adaptar às fotos empresariais no âmbito externo também.

Pensando nisso, o fotógrafo corporativo Rogério von Krüger dá algumas dicas técnicas para fotos corporativas em ambientes externos e internos.

Se preocupe com o foco

Nos ambientes internos, o profissional precisa estar atento, pois tudo o que vai aparecer na fotografia deve estar dentro do foco desejado.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk5

Já nos ambientes externos, a preocupação é com as pessoas e a atenção do grande público, que deve ser levado a olhar para algo grande, como a fachada da empresa ou algum espaço aberto. “É claro que a preocupação com o foco deve ser geral, mas tente deixar a imagem mais nítida o possível onde você quiser que as pessoas reparem quando conferirem o resultado final”, ressalta Rogério.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk3

A iluminação também é importante

Para von Krüger, “A luz individual dos ambientes fechados pode ser ou não favorável, mas, sempre que possível, utilize a iluminação que vem da janela ao seu favor”. O cuidado com o flash também é essencial, pois dependendo da coloração da lâmpada alguns reflexos podem “estragar” a fotografia.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk7

Num local externo, o profissional é obrigado a usar a luz natural e aí não há muito o que fazer. “O melhor é fazer a captura a favor do sol ou marcar a sessão para os dias nublados, quando a luz é mais suave naturalmente”.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk6

Escolha uma lente adequada

Nesse quesito, vamos começar pela lente ideal para ambientes externos, que seriam as lentes grandes angulares, mas conhecidas como olho de peixe. Sua curvatura aumenta seu ângulo de captação, conferindo mais qualidade às fotos.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk1

Para os ambientes internos, prefira as lentes comuns. Até é possível usar as angulares, mas com muita cautela, porque as linhas costumam fica curvas, causando uma distorção evidentes nos cantos das fotos.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk2

O enquadramento deve ser o ideal

Raramente existem problemas de enquadramento nas fotos internas batidas por um profissional, mas a dica que podemos dar é a seguinte: se abaixe na altura dos móveis para que o resultado final seja mais agradável e real.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk8

O problema de enquadramento nas fotos externas acontece porque às vezes fica difícil escolher o que colocar na foto. Segundo o fotógrafo, “Para melhorar isso, é necessária uma análise do que é essencial que apareça e o que não é. Outra opção viável é colocar o ambiente em perspectiva, priorizando o aspecto mais importante e deixando com que os menos importantes diminuam conforme a distância. Isso ajuda a engrandecer o que está sendo retratado e em primeiro plano e faz um alongamento da foto em geral”.

fotos-corporativas-ambientes-externos-internos-rvk4

Lembre-se: organização é o segredo

Não pedimos para que você entre em ação e arrume o ambiente, mas o seu olhar deve ser apurado para detectar qualquer coisa destoante no local. Então, evite excluir detalhes desagradáveis, como alguma sujeira. Essa dica vale tanto para os ambientes externos quanto os internos.

0

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comments