Como economizar combustível com os pneus?

Pneus, eles servem para fazer com que você tenha um carro dinâmico e com o atrito correto para que ele seja guiável até o destino. Sem eles, a indústria automotiva seria impensável. Além disso, eles são uma das maiores ferramentas de segurança para o dia a dia e sua condição altera diversas funções. Uma das mais importantes é, sem dúvidas, a economia de combustível. O especialista Danilo Vasconcelos, da Dinamicar Pneus, loja de pneus no Rio de Janeiro, dá dicas de como os pneus podem ajudar a economizar combustível, atitude a cada dia mais necessária no País: “Vamos falar sobre algumas atitudes simples e que ajudam muito”.

  • Calibragem – pneus abaixo do nível de calibragem geram mais atrito, aumentam o desgaste e o consumo de combustível.
  • Pneus de marcas diferentes – essa questão vale para o mesmo eixo, ou seja, à frente ou atrás. Pneus de marcas diferentes têm tamanhos e comportamentos diferentes. Isso mexe no alinhamento, no balanceamento e, consequentemente, no consumo do motor.
  • Temperatura dos compostos – conforme vai andando, os pneus vão aumentando a temperatura que os deixam mais ou menos aderentes. Todo composto tem uma temperatura ideal. Acima disso, você aumenta o consumo, pois aumenta também o atrito.
  • Pneus íntegros – o uso de pneus carecas, além de comprometer a segurança, aumenta o consumo já que tem menos capacidade de tracionar com a mesma potência usada em pneus novos.

Pneus novos são economia e segurança

Já que foi falado sobre a economia proveniente dos compostos, o quesito segurança não pode ser esquecido. Afinal, quando se trafega com compostos sem condição, aumentam-se as chances de:

  • aquaplanagem – que é a camada de água entre o chão e o pneu, fazendo o motorista perder o controle;
  • estabilidade em curvas – o carro sem o devido atrito tem menos estabilidade em curvas, o que pode aumentar as chances de perda de controle;
  • frenagem – pneus carecas aumentam o tempo de frenagem e também a distância.
0